Desde o ano de 2013 que o Espaço Cultural CITA que existe hoje no bairro do Campo Limpo – São Paulo – SP graças a uma ocupação artística iniciada pela Trupe Artemanha de Investigação Teatral e parceiros em Maio de 2011, com o intuito de desenvolver as atividades da Escola CITA – Centro de Investigação Teatral Artemanha, vem passando por algumas mudanças, e, dentre elas, é importante salientar algumas:

TRANSFERÊNCIA DA TRUPE ARTEMANHA PARA O ESTADO DA PARAÍBA: Durante a pesquisa pelos sertões nordestinos para montagem do espetáculo de rua O Homem que Virou Suco, quando foram realizados intercâmbios com coletivos teatrais e com grupos de tradição popular, havendo grande aproximação de alguns dos integrantes da Trupe Artemanha com o universo teatral nordestino, surge o projeto de transferência do grupo de São Paulo para o nordeste brasileiro. Dois dos integrantes da Trupe Artemanha foram definitivamente para o estado da Paraíba em Fevereiro de 2014, os 06 integrantes que aqui ficaram, dispostos a dar continuidade ao importante trabalho que vinha sendo realizado desde a ocupação do Espaço Cultural CITA, agora iriam se chamar Bando Trapos (Cleia Varges, Joca Andrade, Dêssa Souza, Deco Morais, Rodrigo Dias e Welton Silva). Fica uma importante história de luta pelo teatro em comunidade e pela ocupação de um espaço público que esteve abandonado, que agora se tornou um dos poucos locais de fruição de teatro e outras artes na região Sul da cidade de São Paulo. Este legado de trabalho vem sendo continuado pelo Bando Trapos e os demais coletivos que atuam diariamente no Espaço Cultural CITA.

Os integrantes do Bando Trapos estão neste momento finalizando poucas questões burocráticas referentes aos projetos da Trupe Artemanha.

O CITA ATUALMENTE: O Espaço Cultural CITA atualmente abriga as atividades de diversos coletivos da região sudoeste da Cidade de São Paulo: Bando Trapos (teatro), Sarau do Binho (literatura), Escola de Noticias (comunicação), Cia Basalto (teatro), Cia Conectados (teatro), Trupe Imbola’Rua (teatro), Grupo de Choro Sapato Branco (música), Banda Tupi (Música), Quintal das Histórias: Gira Cantiga e João Luiz do Couto (Literatura), Tropeiros da Arte (cultura popular) e Maracatu Ouro do Congo, entre outros. Após a mudança para o estado da Paraíba, a Trupe Artemanha deixa de gerir o CITA, e, devido à diversidade de coletivos culturais, o espaço teve o significado de sua sigla alterado para Cantinho de Integração de Todas as Artes e vem passando por uma série de mudanças inclusive na forma de gestão, que cada vez mais vem sendo compartilhada com todos os coletivos que atuam nele. Graças ao importante trabalho de todos estes grupos, o CITA acabou de ser reconhecido como Ponto de Cultura, e dentro de poucos meses realizará atividades do Projeto Cantinho de Integração de Todas as Artes através do Programa Cultura Viva, que inclusive tornará oficial o novo nome do espaço.

FESTCAL – FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE CAMPO LIMPO: O Espaço Cultural CITA, informa também que participou da realização das 6ª, 7ª, 8ª e 9ª Edições do FESTCAL – Festival Nacional de Teatro de Campo Limpo, importante projeto da Trupe Artemanha. No entanto, com a mudança do grupo para outro estado, o CITA não mais participará e não tem mais nenhum envolvimento ou responsabilidade na realização deste evento anual, sendo que, realizaremos à partir de 2015 o Circuito de Integração de Todas as Artes, uma mostra que já vem sendo planejada e que também dialoga diretamente com a proposta do Espaço Cultural CITA juntamente com seus coletivos.

Sem mais e à disposição para quaisquer esclarecimentos.

 

ESPAÇO CULTURAL CITA

Cantinho de Integração de Todas as Artes

Rua Haroldo de Azevedo, 20 | Jardim Bom Refugio | São Paulo

Cep 05788-230 – SP.

Fones: 11-5844-4116 / 11-99862-4821

Página do CITA no Facebook

e-mail: espacocita@gmail.com

Anúncios